Doar sangue – Dia Nacional do Doador de Sangue

Oi meus amores!

Hoje é o dia nacional do dodor de sangue (25/11) e então eu decidi fazer esse post. Além disso, ele está participando da Blogagem Coletiva do grupo As Amigas. A idéia do post é trazer algumas informações úteis e falar um pouquinho da experiência de doar sangue. Gostaria muito de poder doar esse mês e fazer um vlog, mas infelizmente não posso me dar a esse luxo esse mês, mas de Dezembro não passa, prometo!!! Gente, doem! É muito importanteeee!!! <3

Eu sou uma doadora e costumo doar sangue no mínimo uma vez por ano. Meu lugar preferido é lá no INCA (Praça da Cruz Vermelha, nº23 – RJ), tenho uma longa história com essa instituição. Então todas as informações dadas aqui eu tirei do site deles principalmente ou do Hemorio. As fotos do post são da última vez que eu doei sangue.

Informações úteis para doar sangue

O que se pode doar?

Além do sangue, outra coisa muito tranquila de doar são as plaquetas! Quer saber mais? Clique aqui. Temos ainda a doação de medula óssea! Quer saber mais também? Só clicar aqui.

De quanto em quanto tempo posso doar sangue?

  • Homens: 60 dias (até 4 doações por ano)
  • Mulheres: 90 dias (até 3 doações por ano)

Quem pode doar sangue? Pré-Requisitos:

  • Trazer documento oficial de identidade com foto (identidade, carteira de trabalho, certificado de reservista, carteira do conselho profissional ou carteira nacional de habilitação);
  • Estar bem de saúde;
  • Ter entre 16 (dos 16 até 18 anos incompletos, apenas com consentimento formal dos responsáveis) e 69 anos, 11 meses e 29 dias;
  • Pesar mais de 50 Kg;
  • Não estar em jejum; evitar apenas alimentos gordurosos nas três horas que antecedem a doação.

Impedimentos:

  • Temporários

– Febre (maior que 37ºC)
– Gripe ou resfriado
– Gravidez
– Pós-parto: parto normal, 90 dias; cesariana, 180 dias
– Uso de alguns medicamentos
– Anemia
– Pessoas que adotaram comportamento de risco para doenças sexualmente transmissíveis (ex: sexo desprotegido, piercing, tatuagem, uso de drogas intravenosas, etc)
– Vacinação: o tempo de impedimento varia de acordo com o tipo de vacina
– Amamentação: até 1 ano após o parto (o INCA não fala nada a respeito, só o Hemorio)
– Extração dentária: pode doar após 72 horas (INCA), 7 dias (Hemorio)
– Apendicite, hérnia, amigdalectomia, varizes:pode doar após três meses
– Colecistectomia, histerectomia, nefrectomia, redução de fraturas, politraumatismos sem seqüelas graves, tireoidectomia, colectomia:pode doar após 6 meses
– Ingestão de bebida alcoólica no dia da doação
– Transfusão de sangue:pode doar após 1 ano
– Tatuagem:pode doar após 1 ano

  • Definitivos

– Hepatite após os 11 anos de idade
– Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças transmissíveis pelo sangue: hepatites B e C, Aids (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas
– Uso de drogas ilícitas injetáveis
– Malária

Após a Doação:

  • Evitar esforços físicos exagerados por pelo menos 12 horas
  • Aumentar a ingestão de líquidos
  • Não fumar por cerca de 2 horas
  • Evitar bebidas alcóolicas por 12 horas
  • Manter o curativo no local da punção por pelo menos de quatro horas
  • Não dirigir veículos de grande porte, trabalhar em andaimes, praticar paraquedismo ou mergulho

Agora minha experiência pessoal com relação a isso: nunca tive muitos problemas após a doação não, só no máximo o braço um pouco dolorido e tal, nada que não valesse a pena. Bom, da última vez, não sei se por que era verão e estava muito quente, ou o que ouve, eu fiquei me sentindo meio fraca e com uma taquicardia se eu fizesse qualquer exercício (por exercício entende-se correr atrás do ônibus)  por uns 3 dias. Já o Rafael, meu noivo, não sente absolutamente nada. Da última vez, que ele foi comigo, me deixou almoçando com uma amiga lá perto do INCA e foi andando pro trabalho, que não é perto! E não sentiu absolutamente nada. Tem gente também, como essa minha amiga em questão, que por exemplo, passa mal na hora de levantar da cadeira e depois não sente mais nada. Então assim, essas são os tempos que eles recomendam, mas cada organismo é um organismo e cada doação é uma doação. Então, vai prestando atenção no que o seu corpo está te dizendo e não force a barra nos primeiros dias após a doação.

Doar sangue - bolsa vazia


Doe Sangue de Maneira Consciente!!!

Você sabe o que é janela imunológica? É o período entre a contaminação da pessoa por um determinado agente infeccioso (HIV, hepatite…) e a sua detecção nos exames laboratoriais. Nesse período da janela imunológica, os exames são negativos, mas mesmo assim o sangue doado é capaz de transmitir o agente infeccioso aos pacientes que o receberem. A sinceridade ao responder as perguntas do questionário que antecede a doação é importante para evitar a transmissão de doenças aos pacientes. Nunca doe sangue se você quiser apenas fazer um exame para Aids. Neste caso, procure um Centro de Testagem Anônima e gratuita.

Gente, é serio, doar sangue é um ato de carinho e amor, então não vá doar se você pode vir a colocar outras pessoas em risco ao invés de ajudar. Se você está pensando em doar sangue só para fazer um teste para DST gratuito, não vá, pense no mal que pode acabar causando. Se uma criança com Câncer receber o seu sangue e ele estiver contaminado, por exemplo, com AIDS, ela pode morrer por causa disso. Então não é brincadeira. Quer fazer uma testagem? Vá ao posto de saúde mais próximo da sua casa! É de graça, ninguém vai te julgar e o resultado sai no mesmo dia!!! O da doação de sangue demora… Além disso, o teste que é feito no posto é tão bom, se não melhor que o que é feito no nosso sangue após a doação. Então por favor, não façam isso!

Doar sangue - frascos com sangue

A experiência

Então gente, é basicamente assim:

1- Cadastro: você chega lá com seu documento de identificação e se cadastra
2- Questionário: aí vão te dar um questionário para responder, sobre diversas coisas diferentes, entre elas perguntas sobre sua vida sexual, uso de drogas e doenças.
3- Entrevista e coleta de sangue inicial: lá no INCA é assim, tudo junto. Nos outros locais eu não sei se é junto ou separado. Mas então, você vai para uma salinha com um profissional de saúde e ele vai colher sangue da pontinha do seu dedo, para fazer um teste rapidinho afim de ver se você está com anemia ou não. Se estiver com anemia, não poderá doar. E aí ele vai te fazer perguntas se tiver alguma dúvida quanto ao seu questionário.
4- Esperar: se estiver tudo ok e você for liberado para doar, é só esperar que vão preparar tudo e te chamar para a sala de doação
5- Doando o sangue: você senta lá, alguém vira te preparar a doação. A agulha é um pouquinho grossa e da um pouquinho de medo, mas não se assuste e tente não ficar olhando!!!! Depois que tiver colocado, você só vai sentir um leve desconforto, e assim mesmo eu só sinto quando contraio os músculos, então tente relaxar, assistir televisão, qualquer coisa. Eles vão conectar a bolsa na agulha e é pra que vão até 450 ml de sangue coletados.
6- Saindo de lá: você recebe um vale lanche, para você comer antes de sair de lá para evitar passar mal e uma declaração de que você foi doar sangue (sim, você recebe o dia de folga huahua).
7- Agora é só comer e dever cumprido!

Dicas

  • Não deixe de comer antes de ir, não é besteira, você pode realmente passar mal
  • Se você ja passou mal alguma outra vez, tem pressão baixa ou nervoso de agulha, avise ao profissional de saúde que irá tirar o seu sangue
  • Leve um casaco!!! Frequentemente é frio nesses lugares.
  • Se você é chato para comer, leve um lanchinho de casa. Eu sou muito chata, mas nunca levo pois sempre dão uma maçã além do sanduíche, mas é melhor sempre prevenir.
  • Não vá sozinho! Principalmente se for a primeira ver que você vai doar. Não, eu não estou tentando te assustar, só não quero ver ninguém tendo que se virar sozinho pra voltar pra casa e passando mal. Eu não gosto de ir sozinha e nunca passei mal assim, mas nunca se sabe.
  • Não fique olhando se você não pode ser sangue ou se fica nervoso ou qualquer coisa assim.

 Doar sangue - meu braço

Novidades

Gente, eu vi uma reportagem outro dia, falando que lá na Suécia, os doadores de sangue receber um SMS falando quando salvaram uma vida. Cara isso é genial! Pois além de acabar te lembrando que você precisa voltar lá para doar, faz você se sentir bem e importante e acaba estimulando as pessoas a voltarem para doar novamente! Sem falar que quanto custa um SMS hoje em dia? Praticamente nada! E custa absolutamente nada se você está falando de salvar vidas! Sério, queria muito isso por aqui!!! Quer ler mais a respeito? Clique aqui.

Bom, é isso pessoal, espero que vocês tenham gostado do post. Se tiverem alguma dúvida, ou quiserem contar uma experiência, só comentar! Eu vou tentar tirar todas as dúvidas possíveis. E esse ano, quando eu for doar novamente, prometo fazer um vídeo mostrando todo o processo ao vivo!!

Mil e um beijinhos e até a próxima!!

sinalizador-da-blogagem-coletiva

FanpageInstagramTwitterSkoob Bloglovin

deixe um comentario3